terça-feira

Broken flower



Por coincidência, também eu fui ver o filme de Jim Jarmusch no dia 25 de Dezembro. Na banda sonora descobri Mulatu Astatke, músico etíope, Father of Ethio-Jazz, de acordo com a Wiki. Se o Ricardo aceitasse «posts pedidos», eu pedia-lhe para um dia destes escrever sobre o disco Ethiopiques, Vol. 4: Ethio Jazz & Musique Instrumentale, 1969-1974.

3 comentários:

  1. Já encomendei o disco. A hipótese do post está portanto em aberto.

    ResponderEliminar
  2. Era só para dizer que, pouco depois de ver o filme, fiz o download desse álbum do Mulatu Astatke. Maravilhoso. Ideal para viagens, físicas ou não.

    ResponderEliminar

Escuto.